VOCÊ VALE O QUE PRODUZ

Por estar há anos acompanhando o processo de recrutamento e seleção para Empresas pude perceber um dado interessante:  os profissionais, principalmente os que não têm ou buscam posições executivas, querem um “emprego” que lhes dê segurança, com um salário fixo que lhes permita ter a certeza de que “as contas serão pagas”.
Quando falamos de remuneração variável, de comissionamento, de bônus por desempenho, muitos olham desconfiados, outros já agradecem a oportunidade de imediato, alguns aceitam dizendo que “estão precisando muito” e outros, a minoria mesmo, aceita com brilho nos olhos.  Eu diria que esta minoria corresponde a, no máximo, 1 porcento do total de profissionais que estão na busca de oportunidades profissionais.
 Esta busca por segurança tem sentindo quando entendemos que vivemos em um País de tantas desigualdades sociais, com tanta pobreza, com tantas notícias tristes sendo divulgadas, e que, por isso, tudo o que se quer é “garantir o seu”.
 Esta é uma escolha possível e todos têm o direito de escolher o que quer que seja.
 Mas, seguramente, esta não é a escolha de quem quer realmente prosperar.
 Quem quer prosperar entende que só vai conseguir isto aumentando seu próprio valor de mercado e fazendo com que este valor seja percebido no meio onde convive profissionalmente.
Quem quer prosperar não tem medo algum de remuneração variável, muito pelo contrário, busca alternativas profissionais que garantam a maior parte do salário variável, com base nos seus resultados.
 O próspero acredita no seu potencial e trabalha arduamente para reforçar seus pontos fortes e, com isto, somar mais valor à sua carreira.
 Quem trabalha com remuneração variável tem efetivas condições de ganhar muito mais dinheiro e com isto realizar seus sonhos e objetivos de vida.
 Neste ponto podemos acrescentar uma outra questão aos aspecto segurança como base decisória na questão profissional:  a visão que se tem do dinheiro.
 Muitos podem ler este texto e pensar:  Dinheiro não é tudo!  Para que viver uma situação instável de vida para ganhar mais dinheiro?  Eu quero é a segurança do meu salário depositado todo mês na minha conta para que assim eu possa dormir tranqüilo.
O problema destes tipos de pensamentos é que eles excluem a prosperidade da vida das pessoas.  E prosperidade também pressupõe ter mais dinheiro.
Claro que não só dinheiro, mas também prosperidade emocional, espiritual, nos relacionamentos familiares, nas amizades, nos amores.O que questiono é:  porque escolher abrir mão de tantas boas experiências que a vida nos oferece mas para as quais precisamos de dinheiro para usufruir, simplesmente em troca de segurança?
O ditado “quem não arrisca não petisca” é a base deste raciocínio.
 Arriscar profissionalmente não significa que a pessoa vá sair por aí como um louco cometendo uma série de atos impensados e irresponsáveis com seu dinheiro, mas, sim, aceitar desafios que lhe permitam ganhar mais, na medida que mostre resultados efetivos. Para tanto, aprender, aprender, aprender…Ser um eterno curioso, no bom sentido da palavra.  Querer realmente ser melhor a cada dia, sem medo do que o futuro possa lhe oferecer mas, sim, confiante de que o melhor virá.
Se você vive hoje uma realidade de salário fixo, procure pensar como transformar esta situação para uma condição de maior prosperidade.
 Não “aceite”  remuneração variável,  busque remuneração variável! 
 Negocie com clientes, com chefes, busque oportunidades de trabalho com a maior parte ou com todo o salário baseado em resultados.
 Não tenho dúvidas de que você, assim, vai produzir mais, prosperar mais para, num futuro muito mais próximo do que talvez você tenha sonhado, poderá trabalhar menos e fazer melhores escolhas para sua vida.

Lorena Lacerda
Coach de Executivos

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Postagens relacionadas

Dicas de Carreira

SUA LIDERANÇA ESTÁ EM EQUILÍBRIO?

Neste vídeo da série “Dicas de carreira” nossa CEO, @lorenalacerda, compartilha dicas importantes de como o Líder deve equilibrar hábitos para conseguir levar a equipe

Como podemos te ajudar?

Open chat
Precisa de ajuda?